Psicoterapia

A psicoterapia permite um processo de crescimento e desenvolvimento pessoal privilegiado. O processo terapêutico concentra-se nos problemas que estão sendo apresentados pelo paciente no momento em que este procura a terapia, sendo que seu objetivo é ajudá-lo a aprender novas estratégias para alcançar mudanças positivas e significativas, que lhe ofereçam maior bem-estar e tranquilidade.
O processo se inicia por estabelecer um clima de confiança e segurança (vínculo) que possa permitir (ao longo dos atendimentos) ao cliente, a seu tempo, expor as suas dificuldades, acertos, perdas e ganhos de um modo franco e livre, bem como, abordar memórias antigas (e por vezes conflituosas) da sua história de vida.
Com base no conhecimento teórico e empírico do desenvolvimento psicológico, o psicoterapeuta formula intervenções e propõe técnicas que auxiliam o cliente a aumentar seu autoconhecimento, evoluindo desta forma para um nível mais elevado de consciência. A Psicoterapia Individual promove o autoconhecimento, o crescimento pessoal, a elevação da autoestima e o empoderamento pessoal, entre outros ganhos advindos do olhar-se por inteiro.
Sendo assim, levo em consideração no processo psicoterápico a integralidade dos aspectos biológicos, sociais, psicológicos e espirituais do ser humano.
Os Psicólogos através de técnicas ajudam as pessoas a lidarem de forma diferente com seus sintomas e conflitos. Cada pessoa tem sua singularidade e subjetividade, portanto isto será sempre respeitado pelo Psicólogo, a fim de proporcionar as condições mais favoráveis para que a melhora ocorra.
Assuntos como tristeza, ansiedade, insegurança, medo, falta de prazer e sentido na vida, sentimentos de culpa e angústia, incertezas, fobias, apatia, sintomatologia física, dores psicossomáticas, luto, traumas, insatisfações nos relacionamentos e trabalho.
Todos estes assuntos muitas vezes chegam ao consultório de psicologia e as pessoas muitas vezes se sentem perdidas e com dificuldades de encontrar uma saída para resolver seus problemas, e decidir por algum caminho. O sigilo do psicólogo é o principal ingrediente do relacionamento psicoterapêutico. A relação de confiança com o psicólogo estrutura o laço afetivo psicoterapêutico para que o trabalho aconteça. A partir desta primeira consulta com o Psicólogo é que ambos decidirão se haverá o prosseguimento rumo ao tratamento psicológico, ou seja, para a psicoterapia.

PLANO DE SAÚDE – Para quem possui plano de saúde com reembolso a Agência Nacional de Saúde (ANS) órgão do governo que regulamenta os planos de saúde estipula que os convênios serão obrigados a pagar até 40 sessões de psicoterapia por ano para seus clientes. Os documentos são emitidos pela psicóloga, portanto, após a sua primeira sessão, solicite a documentação para o reembolso das sessões.
• Encaminhamento médico – O paciente deverá apresentar o encaminhamento médico, com o nome, CRM e a prescrição médica para a psicoterapia.
• Laudo Psicológico – Documento elaborado pela psicóloga para fins de reembolso, que será anexado com o encaminhamento médico.
• Recibo de pagamento – Segundo as exigências dos planos de saúde deve constar: Nome do paciente, número de sessões de terapia e suas datas, valores pagos, nome do profissional, CPF do profissional e o número do credenciamento do conselho regional do profissional. Este recibo deve estar devidamente carimbado e assinado pelo profissional.

A Psicóloga Nayara Vasconcelos Rocha Mantovani está inscrita no Conselho Regional de Psicologia – Inscrição 08/27693

© Copyright by RPM 2019